07 de dezembro de 2017

Pré-história de Porto Velho

Por José Carlos Sá

O professor e acadêmico Dante Ribeiro da Fonseca está lançando mais um livro de história regional, com um nome estranho: “In idem flumen*: as povoações do rio Madeira e a origem de Porto Velho (século XVIII ao XX)” . Desta vez o volume contêm três estudos, sendo dois pré-construção da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, que é considerado o marco inicial do aparecimento da cidade de Porto Velho. “1º. Estudo: A ocupação neocolonial do rio Madeira no século XIX; 2º. Estudo: A época das ubás e a época dos vapores: duas dinâmicas, dois povoados e para concluir o já conhecido; 3º. Estudo: Uma cidade à far-west: tradição e modernidade na origem de Porto Velho”.

O autor tem no Madeira o fio condutor de toda a história, destacando “a importância do rio Madeira como rio fronteiriço e as mudanças nas dinâmicas das povoações ocasionadas pela entrada das modernas tecnologias: a ferrovia e a navegação a vapor”, explica Dante.

Aquisições deste e de outros livros de autoria do professor Dante, podem ser encomendadas pelo endereço eletrônico livrosrondoniana@gmail.com

*In idem flumen = Ao mesmo rio

Tags

Dante Fonseca Estrada de Ferro Madeira-Mamoré Porto Velho rio Madeira 

Compartilhar

Comentários

  • Dante Ribeiro da Fonseca disse:

    Carlos Sá, muito obrigado pela divulgação. Apenas para explicar a estranheza do título. Toda a História, objeto dos três estudos, ocorre no rio Madeira, daí In idem flumen, ou seja: no mesmo rio. Trata-se da paráfrase de um fragmento de Heráclito de Héfeso, Grécia, século V a. C., que diz: In idem flumen discindimus et non discindimus, ou seja: No mesmo rio entramos e não entramos. É o princípio do eterno movimento das coisas, de sua existência determinada pelas transformações, como aquelas ocorridas no rio que descrevemos. Abraços, do amigo e confrade, Dante Fonseca.

Deixe uma resposta para Dante Ribeiro da Fonseca Cancel Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*