10 de julho de 2021

Incentivo à vacinação de negacionistas

Por José Carlos Sá

Sommeliers de vacina querem escolher o fabricante da dose que tomarão (Foto Prefeitura de Laranjeiras do Sul – PR)

Após as inúmeras teorias da conspiração baseadas no negacionismo da ciência, agora a moda é escolher a marca da vacina contra a covid. Talvez com receio de virar jacaré, ter um chip implantado ou tomar vacina fabricada com fetos abortados – ou sabe-se lá mais o quê – tem gente que chega ao posto de vacinação e pergunta qual a marca do imunizante que estão aplicando. Se não for tal farmacêutica, o cidadão vai embora.

Prefeitos de diversas cidades do país adotaram ou querem adotar uma punição para os chamados “sommeliers” de vacinas. Quem se recusar a se vacinar com a marca disponível terá que assinar um termo de responsabilidade e ir para o final da fila. Serão imunizados após todas as faixas etárias terem recebido a vacina. Cidades como Belo Horizonte, João Pessoa, Recife, Porto Alegre e Goiânia já adotaram a prática de punir os sommeliers de vacina. Em Santa Catarina, a prefeitura de Criciúma – cidade localizada no sul do Estado – já puniu 66 pessoas que quiseram escolher o fabricante da vacina.

Um método para alcançar quem se recusa a ser vacinado (Via WhatsApp)

Também há aqueles que se recusam, por algum motivo, a se vacinarem. Já há uma discussão de que o trabalhador que se recusar a receber a vacina pode ser demitido por justa causa. Entende-se que aquele que não quer ser vacinado coloca em risco a vida de seus colegas. Em outras atividades também estão sendo tomadas providências para incentivar a vacinação, através da exclusão do convívio, como este diálogo assistido pela Marcela:

– Vacinasse?

– Não. Não vou me vacinar!

– Ô quirida, a partir de 1° de outubro para entrar no estúdio terá que apresentar a carteira de vacinação anti-covid.

No dia seguinte a mulher que não queria se vacinar enviou a foto do cartão de vacinação.

Emerson oferece um chopp para quem foi vacinado (Foto Divulgação)

Já em Juazeiro – Bahia, o amigo Emerson Castro fez uma promoção na sua choperia e restaurante Nordhaus: o cliente que apresentar a caderneta de vacina, comprovando a imunização contra a covid-19, ganha um chopp pilsen.

Tags

COVID-19 Fake news Teoria da Conspiração Vacinação 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*