15 de dezembro de 2020

A niqueleira

Por José Carlos Sá

Quando era assessor da Fiero (Federação das Indústrias de Rondônia), costumava acompanhar o presidente nas reuniões de diretoria da CNI (Confederação Nacional da Indústria), em Brasília. Nos finais de ano os diretores recebiam a Imprensa para fazer um balanço e lançar perspectivas. Após a coletiva, além do release com todos os dados econômicos anunciados pelo presidente e assessores, sempre tinha um mimo para os jornalistas.

Niqueleira, mais uma palavra que aprendi (Foto JCarlos)

Em uma dessas coletivas, recebemos um conjunto com agenda, porta cédulas, porta cartões e um porta-moedas. Depois de mais de 20 anos, é a única peça que ainda me resta é o porta-moedas.

Há alguns dias, ao apanhar moedas para facilitar o troco, a funcionária da padaria comentou:

– Quando o senhor vem aqui, gosto de ver a sua niqueleira! É diferente…

Entendi o que ela estava dizendo mas não tinha essa palavra no meu vocabulário.

Niqueleira
substantivo feminino
RIO GRANDE DO SUL
m.q. PORTA-MOEDAS.

Tags

CNI Fiero Niqueleira Rio Grande do Sul 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*