26 de novembro de 2020

São Gonçalo da Goiabeira

Por José Carlos Sá

São Gonçalo é um simpático distrito do Serro – MG, localizado na Serra do Espinhaço, no Alto Rio Jequitinhonha. Fica distante oito quilômetros de Milho Verde e é caminho para Diamantina, porém de terra. A rodovia faz parte do projeto Estrada Real – Caminho dos Diamantes.

Antes de falar sobre São Gonçalo, contar que fomos apresentados ao Rio Jequitinhonha, que conhecíamos – Marcela e eu – dos livro de Geografia. No local da apresentação, ele corre em um leito estreito de pedras, tomando mais corpo adiante.

Enfim, o rio Jequitinhonha (Foto JCarlos)

Aqui ele corre tímido em um leito de pedras (Foto JCarlos)

A vila de São Gonçalo foi fundada em 1857 e recebeu este nome devido a um fato estranho que aconteceu: Duas crianças brincavam numa goiabeira e encontraram uma imagem ao pé do arbusto (Viram, que não é só a ministra Damares que ligada a uma goiabeira…) e chamaram os pais deles.

Vendo que se tratava da imagem de um santo, a levaram em procissão para Milho Verde, onde já existia uma capela. No dia seguinte a imagem estava no mesmo cantinho, ao pé da goiabeira. O povo então captou a mensagem e construiu uma igreja no local, consagrada a São Gonçalo.

Igreja consagrada a São Gonçalo, cuja imagem foi achada sob uma goiabeira (Foto JCarlos)

Capela de Nossa Senhora do Rosário, construída na primeira metade do século XIX e passou a ter as características atuais na segunda metade do mesmo século (Foto JCarlos)

Casa, no centro comercial, ainda conserva traços do início da vila (Foto JCarlos)

Casario colonial (Foto JCarlos)

Ô tranquilidade… (Foto JCarlos)

Marco da Estrada Real – Caminho dos Diamantes (Foto JCarlos)