21 de novembro de 2020

Biribiri – Uma vila presa no passado

Por José Carlos Sá

Recebemos a dica do seu Rogério, do restaurante Engenhoca Real, em Milho Verde, distrito do Serro (MG), sobre a vila de Biribiri, antiga fábrica de tecidos – a Companhia Industrial de Estamparia.

Foi fundada por um bispo para dar emprego a pessoas em risco social e abrigar menores órfãos da região, isso em 1876. A fábrica funcionou até 1946 e era tão importante que fornecia luz elétrica para Diamantina.

Hoje o local pertence ao Parque Estadual do Biribiri e as construções são tombadas pelo Iepha (Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais) desde 1998.

Conta a história que o bispo dom João Antônio dos Santos foi buscar o maquinário da Estamparia no exterior. O equipamento foi desembarcado no Rio de Janeiro e seguiu de trem até Juiz de Fora, onde juntas de carro de boi o levaram até o rio das Velhas e depois, novamente, em carros de bois até o local onde seriam montados.

Hoje a vila tem poucos habitantes, é visitada por turistas, que apreciam as cachoeiras existentes nas proximidades, o ar bucólico da vila e a culinária oferecida por três restaurantes (quando estivemos lá apenas um estava funcionando, o Bar do Adilson).

É um lugar para relaxar e deixar o tempo passar.

Antiga fábrica de tecidos, montadas pelo bispo de Diamantina para dar empregos aos desvalidos (Fotos JCarlos)

Vila de Biribiri, perdida no tempo e no espaço

No dia em que fomos não havia quase ninguém na Vila

As casas abrigam veranistas, mas mantem a arquitetura original

A igreja da vila. Não sei a que santo foi consagrada

Detalhe da calçada da igreja

Cachoeira da Sentinela, uma das muitas do Parque Estadual

Cachoeira do rio Biribiri. A força das águas geravam energia para a fábrica de tecidos e o excedente era enviado para Diamantina

Sem palavras

Tags

Diamantina Marcela Ximenes Minas Gerais Turismo Viagens Vila de Biribiri 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*