31 de outubro de 2020

Pesar

Por José Carlos Sá

007, com a sua Walther PPK (Foto divulgação)

Soube há pouco que morreu na madrugada de hoje (31/10) um dos meus atore prediletos, Sir Sean Connery, que viveu o personagem de ficção que gosto acima de outros: Bond, James Bond.

Sean Connery morreu dormindo, aos 90 anos, depois de 60 anos de carreira, 94 papeis em teatro e cinema e vencedor de mais de 30 prêmios. Connery ganhou um Oscar de melhor ator coadjuvante por sua interpretação em Os Intocáveis, de Brian de Palma, em 1987.

Uma perda para as artes, mas sabemos que ele está imortalizado nos personagens que viveu.

Tags

007 Brian de Palma Cinema James Bond Oscar 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*