08 de agosto de 2020

A Arca do Vinícius

Por José Carlos Sá

O disco A Arca de Noé foi gravado pelos expoentes da MPB (Foto reprodução)

Segundo o livro de Gênesis, Deus determinou a Noé a confecção de uma balsa e que ele embarcasse com a esposa, filhos e as noras, também com “tudo o que vive, de toda a carne, dois de cada espécie, farás entrar na arca, para os conservar vivos contigo; macho e fêmea serão” (Gênesis 6:19).

Mas há outra arca. Um livro de poemas escrito por Vinícius de Morais na década de 1950 e dedicados aos filhos do poeta. Este livro ficou praticamente desconhecido até 1970, quando foi publicado na Itália.

Em 1980, Vinícius sugeriu ao parceiro Toquinho que musicasse os poemas. Para gravar o disco, o produtor Fernando Faro escolheu um time de astros da MPB: Chico Buarque e Milton Nascimento; MPB-4; Elis Regina; Moraes Moreira; Bebel Gilberto; As Frenéticas; Fábio Junior; Boca Livre; Ney Matogrosso; Marina Silva; Walter Franco; e Toquinho. Melhor que isso, impossível.

Agradeço à Folha de S. Paulo ter lembrado o aniversário de 40 anos dessa obra-prima da música brasileira.

Meu filho Bruno nasceu em 1980 e adivinhe o que colocavam para ele ouvir…

Tags

A arca de Noé Gênesis MPB Toquinho Vinicius de Moraes 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*