09 de julho de 2016

Diálogos insólitos

Por José Carlos Sá

(Classifiquei de “Diálogos Insólitos”, por não ter outra “etiqueta” aqui, no Banzeiros para enquadrar este fato)

(Foto Ipirá FM)

(Foto Ipirá FM)

O cara estava muito – mas muito – insatisfeito com os serviços da operadora de telefonia Claro. Ele possuía linhas fixa e móvel e todo mês era uma luta para conseguir pagar a fatura, que sempre era feita depois do vencimento, além dos problemas de falhar internet e o celular não funcionar. Um mês não enviavam a conta pelos Correios, no outro regularizavam, depois passavam três meses sem enviar. Viajando muito, não tinha tempo e nem se lembrava de optar por débito automático ou outra alternativa.

Depois de muitas reclamações, optou por mudar de operadora. Foi até a loja da Claro no shopping, já “armado” de argumentos e conta-argumentos para impedir que a atendente o convencesse a continuar assinante, mesmo que ela oferecesse planos “por ele ser cliente antigo”, etc…

No balcão:

– Em que posso estar servindo o senhor?

– Quero cancelar minhas linhas da Claro!

– Qual o número do CPF, senhor?

– XXXX XXXX XXXX – XX

– Prontinho. Cancelado, senhor!

– ???

Ele saiu pensando: até a atendente sabe que o serviço deles é péssimo…

Tags

Claro Diálogos insólitos Operadoras de telefonia 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*