03 de setembro de 2015

Só para registro

Por José Carlos Sá

George Carioca (Foto da urna/TSE)

George Carioca (Foto da urna/TSE)

Constantemente leio nos eletrônicos as aventuras do vice-presidente do Sindicato dos Seringueiros e Soldados da Borracha (Sindsbor), o senhor George Teles, também conhecido como “Carioca”. Sem mandato eletivo, mas mesmo assim narra ter conseguido importantes vitórias, não só para a categoria que representa sindicalmente, mas também para a população.

É o caso da famigerada “Figura A” – uma área de terras em Porto Velho pertencente à União que é ocupada há décadas por milhares de famílias – , que Carioca já encontrou solução. O caso mais recente é sobre a área da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, em Porto Velho.

Segundo a matéria, uma reunião em que estavam representantes da União (Marinha, SPU e Iphan); do governo estadual (GGI e Setur); do município (Funcultural, Seas e Semtran), além do MPF e do Sindsbor e Associação da Madeira Mamoré (o próprio Carioca), saiu o encaminhamento e solução para os problemas de “segurança, restauração, iluminação e desapropriação da Estrada de Ferro Madeira Mamoré”.

Sem ter mandato para cargo eletivo de vereador, deputado estadual, deputado federal, senador, prefeito ou governador (paro por aqui), o cara já deu  caminho das pedras para se resolver um problema que se arrasta há décadas. Imaginem se o elegerem vereador, em uma Câmara como nós conhecemos? Ninguém o segura.

Atualizando: O cara é bom mesmo. Vejam o rilise distribuído pelo Condecom há pouco:  “A Prefeitura realiza multirão [está escrito assim] de limpeza, pintura e iluminação na praça Madeira-Mamoré”.

Prefa

Tags

Governo do Estado Iphan Marinha Prefeitura de Porto Velho SPU União 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*