01 de julho de 2015

Mira de .12

Por José Carlos Sá

Tiro de chumbeira vai para todo lado (Foto Groupon.Com)

Tiro de chumbeira vai para todo lado (Foto Groupon.Com)

Para começar, justificando o título. Quando se atira com uma escopeta .12, ou mesmo com uma “chumbeira”, a mira é a direção para onde o cano da arma está apontado. A partir daí, cada balote vai para qualquer lado. Esta comparação é para comentar como andam algumas campanhas às eleições de 2016, 2018 e, quiçá, de 2020.

O deputado Maurão de Carvalho foi reeleito presidente da Assembleia para um mandato que começa em 2016 e vai até 31 de janeiro de 2019, se ele não renunciar antes. O prefeito Mauro Nazif e equipe vem num ritmo acelerado de lançamento de ordens de serviço em várias frentes, o que levou até o discreto radialista Jonathan Trajano, apresentador do programa “Fala Porto Velho”, na rádio Boas Novas, a perguntar ao alcaide se aquilo [os pacotes de obras] “seria marketing para as eleições do próximo ano?”

O senador Acir Gurgacz, a deputada federal Mariana Carvalho, os deputados estaduais Ribamar Araújo, Leo Moraes, Jean Oliveira, Laerte Gomes, Adelino Follador, Lebrão, Cleiton Roque, Só na Bença, Aélcio da TV, os vereadores (Porto Velho) Sid Orleans, Alan Queiroz, Everaldo Fogaça, entre outros todos, são mantidos na ribalta da Imprensa pelas respectivas assessorias, com palpite em qualquer assunto que os mantenha sob os holofotes e na mente dos eleitores.

Se serão lembrados, aí é outra coisa.