25 de novembro de 2014

AINDA NÃO FOI HOJE

Por José Carlos Sá

Centenas de pessoas que aceitaram o convite do presidente da Assembleia, deputado Hermínio Coelho, e acorreram à Casa de Leis da rua Major Amarante, ficaram frustradas. Sem quórum não foi possível a apreciação da representação popular contra a pessoa do governador do Estado.

Cansadas e famintas, pois não foi distribuída nem uma fatiazinha de pizza, muitas pessoas começaram a gritar palavras de ordem contra o presidente-anfitrião. Para acalmar os ânimos as luzes do plenário foram apagadas juntamente com o sistema de ar condicionado.

Nos corredores, a iniciativa era explicada como economia de energia, uma vez que não haveria sessão. Outros diziam que houve sessão, sim, mas de sauna.