30 de julho de 2013

REVIRAVOLTA NAS OPINIÕES CONSOLIDADAS

Por José Carlos Sá

Bastou o STJ ter negado liminar em habeas corpus ao deputado Hermínio Coelho para retornar ao cargo de onde foi afastado, para que a certeza pétrea na inocência fosse substituída pelas dúvidas sobre a culpa do presidente da Assembleia Legislativa, afastado desde o dia 4 de julho pela Justiça.
Defensores do parlamentar agora cobram coerência e cumprimento das palavras, ditas enquanto derramava lágrimas, de renunciar em caso da culpa ser provada.
É cedo para isso, pois o processo é longo e trilhará por caminhos que podem levar a uma agonia lenta ou dar em nada.

Tags

ALE-RO Culpa Deputado Hermínio Coelho Inocência Justiça Operação Apocalipse STJ 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*