12 de setembro de 2010

VAI E VEM – 2

Por José Carlos Sá

A história da “balsa dos desesperados”, criada pelo Zekatraka, vai fazer sucesso nestas eleições. Reproduzo abaixo um comentário que recebi sobre o post anterior e a minha resposta:
Anônimo disse…

Olha, Zé, já abriram uma barraquinha para a venda de passagens, fica ali no Cai Nágua.Sempre tem “sobra de caixa”, né? Dá para comprar a passagem.
José Carlos Sá disse…

Sei que já existem passagens reservadas. Outros deixarão para a última hora. O comandante alerta aos passageiros para que levem a própria ‘matula’, a farofa de ovo, o bodó, a tapioca fria, pois com a vazante do Madeirão não tem nem peixe para comprar no Beradão. Além disso, a balsa não pode passar perto do barranco. Ribeirinhos enganados todas as eleições jogarão cocos de tucumã e butiti nos passageiros,além de soltar os jacarés do Cuniã no encalço dos retirantes. Isso sem falar nos candirus…

Tags

Balsa dos desesperados Beradão Eleições 2010 Zekatraka 

Compartilhar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*