13 de setembro de 2008

ACORDA, PORTO VELHO!

Por José Carlos Sá

Já contei aqui que a turma em que o seu Chico Bigode e eu participávamos em Harvard foi jubilada. Então, no meu histórico escolar faltam aprovação em disciplinas como Civilidade, Diplomacia e outras afins. Pois bem. Desde a manhã de hoje estou refém de prestadores de serviços. O homem que chamei para desmontar meus móveis disse que, sem falta, estaria às 8hs na porta do prédio. Chegou 10 menos 15; o que ia montar outro móvel, que estava combinado também, para chegar no começo da manhã, chegou há pouco e quase não ia se não fosse o meu método de “persuasão”. Já uma entrega, agendada desde quarta feira e confirmada na manhã de hoje, para ser feita ainda pela manhã, só ocorreu porque xinguei todo mundo (exceto o senhor Samuel Benchimol, que já partiu desta). Estou cansando de ter que agir assim. Os tais cem mil pessoas que ‘estão vindo para cá’ não são pacientes como eu; estão acostumados com comerciantes e prestadores de serviços que cumprem o que tratam.

Tags

Compartilhar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*