05 de outubro de 2008

ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA

Por José Carlos Sá

‘Na esquina da minha rua, há muitos anos que trabalha um cego, com a sua viola… Tem-se mostrado indignado com a “burrice” dos cegos americanos. Diz ele que um cego não é, obrigatoriamente, burro! A sua canção com mais êxito, tem um refrão de alto nível: “A justiça, para ser equilibrada tem que ser bem calibrada…”‘ Do parceiro Rui Ferrão Lucas, do saite Pé de Cabra, de Portugal.

Tags

Compartilhar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*