02 de maio de 2020

Paulo e Estevão – O que li no confinamento

Por José Carlos Sá

Uma viagem ao passado em 500 páginas (Reprodução)

Mais uma indicação e presente da Marcela. Encarei as 500 páginas do livro Paulo e Estevão, psicografado pelo médium Francisco Chico Cândido Xavier, pelo espírito Emmanuel (FEB/2019) e mergulhei no início do Cristianismo, de 34 d.C a aproximadamente 64 d.C.

Saulo, doutor da Lei e perseguidor de cristãos (Ilusta internet)

O livro acompanha a trajetória do fariseu Saulo de Tarso, no início da sua carreira como fiscal da aplicação das leis de Moisés. Ele leva a função ao extremo, perseguindo os seguidores de Jesus, levando à morte o jovem pregador Estevão, que ao morrer apedrejado, se torna o primeiro mártir cristão.

Paulo de Tarso passou a pregar a palavra de Jesus Cristo indo até Roma (Ilustra internet)

Com a morte de Estevão – ou Jeziel – a vida de Saulo se modifica completamente. Perde a noiva, que era irmã de Jeziel e fica cego ao ter uma visão de Jesus Cristo, que lhe pergunta: “Saulo!… Saulo!… Por que me persegues?”

Depois disso Saulo se converte e passa a pregar os ensinamentos deixados por Jesus, além de redigir as famosas Epístolas, em que ele enviava a palavra sagrada a lugares onde não poderia ir pregar pessoalmente e que foram incorporadas ao Novo Testamento.

Paulo morreu em Roma, decapitado pelo Prefeito dos Pretorianos e colaborador do imperador Nero, Tigelino.

Eu resumiria o livro dizendo o romance narra a transição entre o Deus punitivo, da época dos profetas, para o conceito de Deus misericordioso que Jesus Cristo veio pregar.

A exemplo do que fiz há  muitos anos ao ler a Bíblia, acompanhei as andanças de Paulo através de mapas da Palestina, Síria e da atual Itália. Também aprendi palavras novas para mim: Precípite (veloz); obstúpida (atônita); recolta (colheita); impérvios (intransitáveis); nazireu (consagrado).

Recomendo.

Tags

Jesus Cristo Marcela Ximenes Paulo de Tarso 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*