26 de dezembro de 2018

O pai da BR-364

Por José Carlos Sá

Já está pronta a segunda edição do livro “O Segundo Braço da Cruz”. Pode parecer alguma coisa religiosa, mas é mais que isso. Naqueles “anos dourados”, como ficaram conhecidos os anos 50 do século passado, o outro braço da cruz era a ligação que faltava entre Brasília e a Região Norte. O governador do Território, Paulo Leal Nunes, em uma reunião com o presidente Juscelino Kubitschek o desafiou a construir a extensão da estrada. Desafio feito, desafio aceito e realizado. Paulo Nunes Leal foi governador do Território de Rondônia em duas oportunidades – 1954/1955 e 1958/1961. A última árvore derrubada para abertura da BR-029 (depois 364) foi em 1960, um dos últimos atos do presidente JK, que deixaria o poder e teria seu mandato cassado alguns anos depois.

O governador Daniel Pereira vai entregar a segunda edição do livro que conta  história resumida acima. Recebi o convite da Mara Paraguassu, diretora-executiva da Secom, para o lançamento da segunda edição no dia 27 de dezembro de 2018. O amigo Lúcio Albuquerque e eu já havíamos combinado ir ao evento.

O livro já está nos finalmente na Gráfica Imediata. Acima, Mikael Esber e Mara Paraguassu (Fotos Mara Paraguassu)