28 de março de 2018

Diálogos insólitos

Por José Carlos Sá

Pressão discreta (Foto JCarlos)

O Argus Maximus “toma café”  conosco. Fica ao lado da mesa esperando um pedacinho de pão, de bolo ou o que lhe for destinado. Ontem ele estava indócil e não aceitou nada. Cheirava o pão e não comia. Foi assim o dia todo. Hoje, porém, impaciente, encostava o focinho na minha perna e empurrava, pedindo pão.

– É, o Argus suspendeu o jejum de pão. Será que ele estava fazendo uma desintoxicação?

– Deve ser. Ele está fazendo igual a mim…

– Isso mesmo! Fica um dia sem comer e no dia seguinte come três pães!

– Ha-ha-ha…[Riso irônico] Não gostei da comparação!

O Argus correu para não ver o que aconteceria comigo…