25 de novembro de 2017

Gente que chega, gente que sai

Por José Carlos Sá

Com um pouco de atraso registro a saída do diretor do Presídio Federal de Porto Velho, Cristiano Torquato. Assumiu Alessandro Costa de Souza, que era o substituto eventual do diretor e chefe de Segurança da Penitenciária. Cristiano ficou em Porto Velho por cinco anos, se somados os dois períodos que morou aqui.

Giuliana e Cristiano (Foto Facebook)

Os amigos Cristiano e a esposa Giuliana foram transferidos em seus respectivos empregos e passaram a residir em Brasília. Desejamos sucesso.