05 de outubro de 2017

Pesar

Por José Carlos Sá

Marcelo, Marcondes e Márcio. Não sei o nome do garotinho (Foto Rômulo Barbosa/Facebook)

Lamento muito o falecimento do Chefe Escoteiro Marcondes Martins Paes, ocorrida ontem, 4 de outubro, em Porto Velho. O Chefe Marcondes era o líder do Grupo Escoteiro do Ar “O Catalina” quando inscrevi  meus filhos lá – também fui escoteiro em Belo Horizonte dos 11 até os 22 anos, quando fui para a Aeronáutica – e testemunhei a luta dele para manter o Grupo funcionando. As reuniões eram na Base Aérea e as dificuldades para chegar lá eram superadas pela humildade do Chefe Marcondes. Precisava conseguir um ônibus todo sábado, contava com o apoio do empresário Oscar Andrade. Na Base Aérea, encontrava a resistência de oficiais refratários ao Escotismo e era preciso convencer ao comandante a autorizar a permanência das crianças para suas atividades.

Mais um grande brasileiro que se vai. Meu abraço à dona Raimunda, Marcelo, Márcio, Marcilene e Marilene, extensivos a toda família, amigos e Escoteiros que tiveram o privilégio de conviver com o Chefe Marcondes.