03 de junho de 2017

De salvador da pátria a cachorro com pira

Por José Carlos Sá

A coisa tá feia, senador! (Foto Andressa Anholete/AFP)

Como um cachorro com o pira o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) está ficando cada vez mais isolado. Com a apresentação da denúncia de corrupção passiva e obstrução da justiça pelo procurador-geral da República Rodrigo Janot, o ministro Marco Aurélio Mello pode determinar a prisão do ex-bom moço, como ocorreu em outros casos de acusados de obstruir a ação da justiça.

Amigos e correligionários – exceto os advogados – não se manifestam e deixam ver para onde o barco navega. Alguns, porém, se preocupam com a reação de Aécio, que está muito deprimido.

É o que dá jogar pedras nas telhas dos outros, tendo ele próprio telhado de vidro.