25 de julho de 2016

A navegação no Madeira e as eleições municipais

Por José Carlos Sá

Na semana passada esteve em Porto Velho o representante do Ministério dos Transportes, engenheiro Miguel de Souza, com quem trabalhei durante dez anos e admiro muito. Ele veio verificar a vazante do rio Madeira e falou sobre a novela da licitação para a dragagem e derrocamento do rio, que se tudo der certo, começará em maio de 2017.

2016-05-04_11-04-16_1

Balsa dos Desesperados versão 2015/2016, infelizmente

Mas o que esse assunto tem a ver com as eleições de outubro de 2016?

É que a “Balsa dos Desesperados” está apoitada sob a ponte do Rio Madeira à espera dos candidatos que serão derrotados no pleito municipal. Quando zarpar – minutos após a conclusão da apuração do primeiro turno – poderá encalhar em um banco de areia e alguns dos passageiros poderão retornar a Porto Velho antes das próximas eleições.

Vamos dragar esse rio, doutor Miguel! Que fique navegável até o Oceano Indico!

Tags

Balsa dos desesperados Dragagem do rio Madeira Miguel de Souza rio Madeira 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*