06 de novembro de 2014

OPOSIÇÃO PARA ELEITOR VER (E ACREDITAR)

Por José Carlos Sá

Com o sugestivo título “No escurinho da CPI, PSDB  e PT se entendem”, o jornalista Josias de Freitas descreve como foi o acordo para livrar as caras de “uns e outros” parlamentares dos dois partidos enroscados no escândalo da Petrobras.
Como disse Charles de Gaulle (e se não disse*, deveria ter dito), “Le Brésil n’est pas un pays serieux”.

Tags

Charles de Gaulle CPI da Petrobras Folha de S. Paulo Josias de Freitas PSDB PT 

Compartilhar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*